Irão quis barrar pornografia e conseguiu bloquear a Internet

Irão barrar pornografiaComo é normal em muitos países, a pornografia e os conteúdos relacionados são proibidos e os governos tomam medidas activas para os bloquear. O Irão pratica estas medidas e não é, por isso, anormal que o acesso a sites pornográficos esteja barrado. Na esperança de conseguir uma melhor filtragem destes sites, o Irão acabou por conseguir bloqueá-los em grande parte da Internet, deixado-os fora do ar. Foi na passada 5ª feira que o Irão implementou novas medidas de bloqueio para impedir os utilizadores do país de acederem a todos os sites pornográficos que existem na Internet.

Ler mais deste artigo

Quem fala assim…

Viram o programa prós e contras de 2ª feira passada?     Não?         Então não perca esta intervenção do senhor MAURO SAMPAIO sem papas na língua, antes que ela desapareça. A Fatinha ficou em pânico, vontade não lhe faltou para lhe cortar a palavra!!!…

Partido Pirata Europeu prestes a ser criado (A não perder)

 Foi anunciado recentemente que está em marcha a criação de um Partido Pirata Europeu. Este Partido será, ao que tudo indica, formado por membros de 28 países sendo que está já em cima da mesa a criação de um programa comum e a participação nas próximas eleições europeias, que se realizam em 2014. Este acordo conta já com a assinatura de militantes destes movimentos em 19 países – como a Suécia, Alemanha, Itália, Bélgica, França, Reino Unido ou Portugal.

 

Ler mais deste artigo

Google Drive é bloqueado na China

Sample ImageO recém lançado Google Drive foi, mais uma vez, alvo das autoridades Chinesas. De acordo com a informação que nos chega, o governo Chinês decidiu bloquear o Google Drive, impedindo assim que o povo tenha acesso a mais um dos serviços de armazenamento que é baseado na “cloud”. O único serviço de armazenamento que pode ser usado pelos chineses é o Wangpan, um serviço que permite o armazenamento de 25 GB de dados.

 

Ler mais deste artigo

Irão quer criar alternativa limpa à Internet

Internet

O país que foi considerado o Inimigo da Internet pela organização Repórteres sem Fronteiras quer criar uma intranet exclusiva do país, fortemente controlada e desligada da Internet. Este plano do Irão foi apresentado pelas autoridades em 2011. A ideia passa por desligar o acesso à Internet em todo o país e criar uma intranet, controlada pelo governo, que percorra todo o território.

 

Ler mais deste artigo

Irão bloqueia acesso ao site oficial dos Jogos Olímpicos

Diz o Irão que se lê Zion no logótipo dos Jogos Olímpicos. A descoberta de uma conspiração ou um grave caso de miopía?

Diz o Irão que se lê Zion no logótipo dos Jogos Olímpicos. A descoberta de uma conspiração ou um grave caso de miopía?

O Irão bloqueou o acesso local ao site oficial dos Jogos Olímpicos. Não se conhecem as razões oficiais para a decisão das autoridades iranianas. Quem está no Irão não é capaz de aceder ao site oficial dos Jogos Olímpicos. É pelo menos isso que é noticiado pelo site iraniano, Kabir News. O site refere que “mais de 99% dos utilizadores iranianos condenaram este bloqueio em sites noticiosos iranianos”. Não se conhecem as razões oficiais que levam os iranianos a serem redirecionados para um site que confirma o bloqueio às páginas oficiais dos Jogos Olímpicos.

 

Ler mais deste artigo

China proíbe séries estrangeiras em horário nobre

A China acaba de votar uma lei sobre a televisão que proíbe a difusão de séries estrangeiras entre às 19h00 e às 22h00. A par desta proibição, os programas estrangeiros não vão poder agora ocupar mais do que 25% do total do tempo de antena. A nova lei proíbe ainda – mas aqui sem adiantar grandes pormenores – que sejam difundidos demasiados programas oriundos de um único país ou região.

 

Ler mais deste artigo