Análise: Samsung Galaxy Note8, uma aposta ganha

A Samsung tinha que pôr um ponto final em toda a história que assombrou a sua linha Note durante o ano passado e com o Note8 não podiam haver falhas. Durante as últimas semanas pudemos comprovar isso mesmo: a Samsung não falhou e o Note8 é uma aposta ganha.

Conheça o Samsung Galaxy Note8 em pormenor.

Para a Samsung e para o próprio mercado de smartphones, o Samsung Galaxy Note8 é uma afirmação da marca depois de um ano conturbado. Os problemas do Note7 foram totalmente dizimados e hoje a empresa tem no mercado talvez a mais competente e completa aposta do segmento móvel onde a caneta S Pen tem um papel de destaque.

 

Características Gerais

O novo Samsung Galaxy Note8 tem um design baseado naquilo que a Samsung oferece na sua gama S, nomeadamente nos S8. Tem acabamento “semi-edge”, isto é, tem o ecrã curvo nas laterais e faz uso disso mas a curvatura é menos acentuada que os anteriores edge.

O ecrã tem 6,3″ e uma resolução de 2960 x 1440 píxeis (QuadHD+), marcando a tendência de ecrã infinito com uma proporção de 18:9. Além da S Pen integrada, o Note8 apresenta-se como o primeiro smartphone da marca com câmara traseira dupla de 12 MP e como o primeiro de sempre com estabilizador ótico de imagem nos dois sensores.

O SoC é o octa-core Samsung Exynos 8895 (4×2.3 GHz & 4×1.7 GHz), tem 6 GB de RAM e 64 GB de armazenamento interno (ainda que esteja disponível noutras versões, nomeadamente 128 e 256 GB).

Traz o Android 7.1.1 Nougat, com interface de utilizador Samsung Experience, cujas diferenças em relação aos S8 apenas se prendem com as funcionalidades associadas à S Pen e ainda ao nível da app da câmara, dada a nova câmara com sensor duplo.


Especificações completas: Samsung Galaxy Note8

 

Caixa

  • Samsung Galaxy Note8
  • Manual de instruções Rápidas
  • Clip para abrir o slot de cartões
  • Auriculares com fios
  • Carregador de carregamento rápido
  • Cabo USB/USB-C
  • Adaptador USB para transferência de dados
  • Adaptador microUSB/USB-C
  • S Pen
  • Pontas para a S Pen

Mais pormenores no vídeo de unboxing:

 

Hardware e Design

Quanto ao design já foi referido que o Note8 segue a mesma linha que os modelos da linha S onde as grandes diferenças, claro, estão na lateral de baixo onde se coloca a S Pen, e na traseira, onde agora existem dois sensores para a câmara fotográfica, colocando o sensor de impressões digitais numa posição ainda menos acessível que nos modelos da linha S.

A qualidade de construção não apresenta falhas mas a concorrência neste campo está cada vez mais forte. A traseira em vidro, muito resistente a riscos, é pouco resistente a dedadas e isso, num modelo de topo, tem que começar a ser uma prioridade das marcas. As laterais são em metal boleado a acompanhar a ligeira curvatura lateral, simétrica entre a frontal e a traseira, oferecendo assim um grande conforto na sua utilização. À parte da fina moldura metálica, todo ele é em vidro com proteção Gorilla Glass 5.

Quanto aos botões laterais, do lado esquerdo encontram-se os botões de volume e o novo botão Bixby, em baixo o jack de áudio de 3,5 mm, a porta USB-C, o microfone, o altifalante principal e a S Pen. Do lado direito tem o botão de Power e, em cima, o outro microfone para gravar em stereo e ainda um slot para cartões, ou dois nano-SIM ou um nano-SIM e outro microSD, uma grande surpresa da Samsung para este modelo.

Na frente, em baixo, encontra-se o tal botão Home invisível e em cima encontra-se o LED RGB de notificações, a iluminação infra-vermelhos para a retina, os sensores de luminosidade e proximidade, a câmara de 8 MP e o sensor da retina. Nenhuma novidade relativamente ao S8.

Como não podia deixar de ser, o Note8 é também resistente a água e a poeiras de acordo com o certificado IP68. De notar que água salgada ou refrigerantes, por exemplo, não são abrangidos por este certificado, pelo que a integridade do smartphone pode ser afetada caso entre em contacto com algum deles.

 

O que distingue o Samsung Galaxy Note8?

A S Pen

Não há qualquer dúvida. A S Pen é o grande fator de destaque do Note8 e mais nenhum modelo do mercado lançado até ao momento consegue competir com isso. Sendo este um equipamento criado para o mundo empresarial de forma bastante assumida, a S Pen vem trazer ao mundo dos smartphones de grande ecrã uma produtividade ímpar. A S Pen num ecrã desta dimensão e com esta resolução é super útil.

Existem várias funcionalidades que já vêm das versões anteriores, nomeadamente, o menu flutuante de acesso rápido que se ativa quando se retira a S Pen ou as notas rápidas que também se ativam da mesma forma, mas quando o equipamento está bloqueado.

O Menu flutuante dá acesso a ações como criação de uma nova nota, captura de ecrã, consultar notas antigas, aceder ao tradutor automático abrir uma zona de lupa, entre outras.

Mas a grande novidade vai para as Mensagens em Direto. Existe um limite de escrita onde se pode deixar uma mensagens que se transforma em GIF. Esta é uma forma ideal para desejar um bom dia a alguém ou um feliz aniversário de uma forma diferente.

A escrita com a S Pen é muito fluida e o teclado da Samsung é capaz de detetar perfeitamente qualquer tipo de escrita à mão e passá-la para modo digital. Mas existem outras funcionalidades interessantes a explorar e, para quem usa o smartphone como instrumento de trabalho, certamente vai ter a sua produtividade aumentada.

 

A Samsung Experience

O Note8, tal como os S8, vem com a interface de utilizador da Samsung, a agora denominada de Samsung Experience, ao invés do “odiado” TouchWiz.

Esta Samsung Experience tem vários elementos que merecem destaque: um Always On Display com mais informação presente; funcionalidades do ecrã lateral a que se pode aceder em qualquer lugar, mesmo através do ecrã de bloqueio; uma assistente virtual, a Bixby, agora já a funcionar no mercado nacional, ainda que limitada a dois idiomas; uma nova forma de aceder à lista completa de aplicações; além dos métodos de segurança já conhecidos dos S8, mas mais otimizados.

O ecrã lateral tem um comportamento exatamente igual aos modelos do S8 como já explorámos aqui, dando acesso a uma série de opções rápidas, como acesso a aplicações ou a contactos.

O ecrã sempre ligado, Always On Dispay, permite ter sempre acesso a uma série de informação personalizada pelo utilizador, com o ecrã desligado. Esta tecnologia tira partido da tecnologia Super AMOLED que permite que apenas alguns píxeis, os necessários para transmitir a informação, permaneçam ligados, minimizando assim o consumo de energia.

 

Hello Bixby

A Bixby está finalmente em Portugal mas ainda não fala português. Na verdade, apesar das suas potencialidades já poderem ser utilizadas, apenas estão disponíveis em inglês e coreano.

O acesso à Bixby pode ser feito de 3 formas diferentes: clique no botão dedicado, por comando de voz ou com um deslize do ecrã home para o ecrã da esquerda. Aí o utilizador terá acesso a notícias, meteorologia, atualização de aplicações entre outra informação apresenta, em cartões ao estilo do Google Now, e poderá então dar ordens à Bixby.

Pedir para efetuar uma chamada, para abrir determinada aplicação, fazer ações como por exemplo fazer uma captura de ecrã entre muitas outras opções que a Bixby já conhece.

Se não conhecer pode ser ensinada!

A Bixby conhece as apps da Samsung e é capaz de interagir com elas, mas não é capaz de reconhecer todas as suas aplicações instaladas. Como é inteligente e capaz de aprender, o utilizador pode dar um comando de voz e associá-lo a determinada app de forma a poder, por exemplo, abri-la.

Algo interessante é a forma como a Bixby interage com a app da câmara, com reconhecimento de objetos e de texto. Por exemplo, se detetar o rótulo de uma garrafa de vinho associa logo a imagem à app Vivino. Se deteta texto é possível passá-lo para formato digital. Interage ainda com outras apps como é o caso do Pinterest, com identificação de objetos.

Achei a Bixby útil?

Nem por isso. Raramente recorri aos seus serviços e cada vez que tentava falar com ela foram vários os erros encontrados. De facto, a questão da interação com a Bixby na câmara é a funcionalidade que mais me agrada.

O botão dedicado à Bixby foi para mim um problema. Com frequência acedi-lhe quando simplesmente queira aceder ao ecrã de desbloqueio, confundindo o botão dedicado com o de ligar/desligar. Felizmente que saiu uma atualização que permite desativar o botão.

 

Segurança

No que respeita à segurança, a Samsung volta a dar destaque ao leitor de íris para desbloqueio do smartphone, à impressão digital e ainda ao reconhecimento facial, aliados às formas de segurança mais convencionais.

Quanto ao sensor de impressões digitais, em termos de eficiência não há nada a apontar. Super rápido na sua tarefa e com excelente reconhecimento. Quanto à sua localização a Samsung foi “teimosa” e não ouviu as críticas dos utilizadores. Não só não deu ouvidos às críticas como ainda piorou a sua localização.

O reconhecimento facial foi claramente optimizado, já não desbloqueando através de uma foto, nos testes que fiz, mas talvez por isso, já não seja tão eficiente no reconhecimento tornando o desbloqueio mais difícil.

Assim, o método eleito passa a ser o leitor de íris. Seguro, rápido e eficaz em quaisquer condições.

 

A fotografia e a câmara dupla

O Note8 foi o primeiro Samsung a receber câmara dupla. Na traseira vêm então dois sensores, ambos de 12 MP, um com 26 mm e abertura f/1.7 e outro de 52 mm e abertura f/2.4, com a grande novidade de ambos virem equipados com estabilizador ótico de imagem.

Basicamente, o sensor da esquerda funciona para as fotos de Focagem Directo (para criar o efeito desfocado) e para zoom ótico. O sensor da direita tem uma lente de grande angular, utilizado como principal.

Em termos de inteface é muito semelhante ao que já é conhecido dos modelos anteriores, tendo apenas a diferença da Focagem Directo e da opção para escolher Zoom 1x ou 2x.

O desempenho em vídeo é excelente tanto em termos de imagem como de som, como se pode comprovar no vídeo inicial, e o estabilizador é um auxílio essencial para que se consigam resultados ainda melhores. Permite a gravação em UltraHD (2160p@30fps), FullHD (1080p@60fps), HD (720p@240fps) e VGA. Tem ainda vários modos de gravação, como a gravação em câmara lenta, movimento rápido e movimento suave.

Para Selfies conta com uma câmara de 8 MP com abertura f/1.7 e que apresenta resultados muito semelhantes aos do S8.

Alguns exemplos de imagens capturadas através do Note8:

 

Autonomia

O Note8 conta com uma bateria de 3300 mAh, com tecnologia de carregamento rápido, demorando cerca de 100 minutos a carregar dos 0% aos 100%. Correndo o teste de bateria do PC Mark para Android conseguiu 8h57, contabilizado dos 80 aos 20%, utilizando o brilho a 50%, um valor dentro do esperado. Isto refletiu-se na prática em 2 dias de utilização moderada e um dia de utilização intensiva.

 

Veredicto

Não é que os resultados de benchmark sejam reveladores do verdadeiro desempenho de um smartphone, mas a verdade é que servem como um bom ponto de referência. Submetemos ambos os modelos a testes de benchmark através das aplicações AnTuTu e Geekbench e estes foram os resultados:

  • AnTuTu v.6.2.7: 174284
  • GeekBench 4:
    • Single Core: 1930
    • Multi Core: 6440

Estes resultados vão muito ao encontro dos obtidos com os S8, obviamente, dado que partilham grande parte do hardware, revelando também todo o seu poder.

Uma vez mais, a qualidade do ecrã merece destaque com excelentes cores e contraste, a própria sensação ao toque, a forma como se integra em toda a estrutura e um design diferente de tudo aquilo que o mercado oferece. A interface de utilizador oferece também uma boa experiência de utilização.

A S Pen é sem dúvida o ponto mais forte deste smartphone, tornando-o ainda mais produtivo e mais versátil, principalmente para quem utiliza o smartphone como instrumento de trabalho.

Note 8 - box

As assistentes virtuais ainda estão a ganhar o seu espaço e a Bixby não é diferente, mas esta versão já está muito mais funcional e tem tudo para vingar neste universo… ainda que não lhe encontre grande utilidade, face às minhas necessidades de utilizadora. É importante também que esta se apresente disponível em mais idiomas.

Os novos métodos de desbloqueio são bastante eficazes mas continuam com pequenos problemas associados.

A qualidade fotográfica, principalmente para retratos, é o grande foco desta câmara fotográfica com grandes resultados. Neste ponto, a qualidade de gravação de som também merece destaque de forma positiva.

Um dual-SIM de topo também não é muito comum, ainda mais nesta marca, mas este finalmente suporta dois cartões SIM. Chamadas, acesso a rede 4G, utilização de GPS, ligações Wi-Fi, todas as “pequenas” tarefas do dia-a-dia desempenhadas com sucesso.

O preço do Note8, disponível a partir de 900€, não é propriamente amigável para muitos consumidores, mas a verdade é que se enquadra dentro daquilo que o mercado está a oferecer nesta gama, com a vantagem de se distinguir de todos eles com a S Pen.

O Pplware agradece à Samsung a cedência do Galaxy Note8 para análise.

Samsung Galaxy Note8

Galaxy Note8

Galaxy Note8
9.4
Fonte: pplware
Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: