5 dicas para melhorar a segurança da nossa rede Wi-Fi

Hoje em dia quase todas as casas têm Internet sem fios! Os routers que fazem a distribuição do sinal são normalmente das operadoras apesar de muitos clientes usarem outros equipamentos para essa tarefa. E em termos de segurança, o que podemos melhorar na nossa rede Wi-Fi?

Aqui ficam 5 dicas.

1 – Mudar nome da rede Wi-Fi

Como sabemos as redes sem fios têm associado um SSID (Service Set IDentifier) – vulgarmente referido como nome da rede. Este nome consiste num conjunto máximo de 32 carateres (números e letras) e o utilizador pode facilmente mudá-lo.< Através do SSID, que vem por omissão, os atacantes conseguem ter uma noção do router que está associado e até saber a operadora.

 

2 – Esconder o nome da rede Wi-Fi

Por norma o nome da rede Wi-Fi é visível por todos. No entanto os utilizadores podem simplesmente escondê-la (apesar de existirem mecanismos para descobrir o nome da rede mesmo quando está está escondida). Deste forma torna-se mais difícil tentar aceder a uma rede, sendo que esta tem de ser configurada manualmente.

3 – Mudar password de acesso ao router

As credenciais, definidas por omissão, para acesso aos routers encontram-se facilmente na Internet – veja aqui.

Por exemplo, se der acesso ao seu vizinho à sua rede Wi.Fi, ele poderá facilmente aceder ao seu equipamento se as credenciais ainda forem as de origem. O mesmo acontece se for a um restaurante ou a um café e tiver acesso à rede Wi-Fi. Acedendo ao endereço de gateway da rede e se o router ainda tiver as credenciais definidas por omissão pode facilmente aceder-lhe e alterar configurações. Não se esqueça de mudar o user e password da sua rede.

4 – Como mudar a password de acesso à rede Wi-Fi

Mudar a password de acesso à rede Wi-Fi é algo que deve fazer de imediato quando instala um router mas tal procedimento deve também ser feito com alguma regularidade.

Se possível use passwords complexas, com letras, números e carateres especiais.

5 – Use um modo de segurança forte

Se a sua rede está aberta, ou seja, não é necessário qualquer tipo de password para acesso, então está na hora de definir o melhor modo de segurança. Caso não saiba, numa rede aberta se os serviços web não garantirem segurança, é possível ver os dados que são passados na rede (por exemplo, passwords).

Para definir o melhor modo de segurança, no caso de redes domésticas deve escolher WPA2-PSK. Se tiver algum servidor de autenticação Radius (autenticação com base num utilizador + password) também o pode usar como complemento.

E são estas as dicas de segurança básicas que tínhamos para apresentar hoje. Em próximos tutoriais iremos mostrar outras e contamos também com as vossas sugestões.

Fonte: pplware

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: