Termine processos que estejam bloqueados no Windows 10

A gestão de dia-a-dia do Windows requer que conheçamos bem as ferramentas que temos disponíveis e que podemos usar. O próprio sistema operativo tem as necessárias, dependendo apenas dos utilizadores a sua utilização correta. Para gerir de forma simples os processos que correm no Windows, o Gestor de Tarefas é a ferramenta ideal.

Mas e que tal conhecer alguns truques que esta aplicação tem?

É com o Gestor de Tarefas que podemos controlar os processos que estão a correr no Windows, bem como ter acesso a um vasto conjunto de informação adicional, desde os consumos de recursos até às aplicações que estão a correr.

Esta ferramenta, que nos habituámos a usar tantas vezes, tem alguns “segredos” que podem ser explorados para benefício do utilizador. Hoje vamos conhecer duas dessas funcionalidades adicionais que tanto jeito nos dão. Basta chamar o Gestor de Tarefas pela linha de comando e tudo será diferente.

Terminar os processos que estão bloqueados no Windows

A primeira funcionalidade extra que podem usar é vocacionada para os momentos em que o computador começa a ter um comportamento anormal. Para corrigir estas situações podemos terminar os processos que estiverem sem responder, aliviando assim a máquina. Usem a linha abaixo numa janela de DOS ou no menu iniciar, na zona de execução.

taskkill.exe /F /FI "status eq NOT RESPONDING"

De imediato vai ser aberta uma janela DOS onde o comando será executado, sendo terminados todos os processos que estejam sem responder.

Notem que este comando vai fazer o Explorador do Windows ser reiniciado também.

Terminar um processo específico no Windows

Porque por vezes queremos apenas terminar um processo específico, que sabemos qual é, podemos também usar o Gestor de Tarefas para esse fim. O comando é diferente do anterior, devendo também ser especificado qual o processo que querem terminar.

No exemplo que damos abaixo estamos a terminar o Explorador de Ficheiros do Windows, e por isso indicamos o comando explorer.exe.

taskkill.exe /im explorer.exe /f

Também este comando pode ser usado numa janela de DOS ou na zona de comandos do Menu Iniciar. Basta que copiem o comando e o colem nessa zona.

Se preferirem podem criar um ficheiro .bat para terem estes comandos sempre prontos a serem executados, bastando para isso um simples duplo clique.

Esta é uma pequena dica para vos mostrar como o Gestor de Tarefas pode ser usado de forma muito mais poderosa e até sem qualquer interface gráfica.

Fonte: pplware
Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: