FBI recomenda tapar webcams e o mercado já oferece soluções

webcamFoi há poucos meses, durante uma conferência realizada no Center for Strategic and International Studies (CSIS), que o director do FBI, James Comey, deixou uma série de recomendações importantes relativas à protecção da privacidade e dos dados, onde sugeriu que os utilizadores de computadores deveriam tapar as suas câmaras web. A velha fita-cola ou o post-it são as soluções mais simples e corriqueiras, mas o mercado não pára de se reinventar e já existem dispositivos que permitem mostrar a câmara apenas quando esta é necessária.

Em Junho passado, uma foto partilhada por Mark Zuckerberg andou pelas bocas do mundo por causa da fita-cola que tinha colada na webcam do seu portátil e ainda pelo microfone, também ele protegido. A verdade é que esta solução “caseira” é utilizada por muitos de nós, tendo mesmo sido recomendada por James Comey, director do FBI.

tapar webcams

Ao não escondermos as câmaras web podemos estar a abrir vulnerabilidades que podem ser aproveitadas por hackers e a criar as condições ideias para cenários de extorsão ou de espionagem industrial, por exemplo. “Se trancamos habitualmente as nossas casas e os nossos carros, por que é que os nossos computadores podem ficar abertos à mercê dos criminosos?”, questionou James Comey na conferência realizada no CSIS.

Mas além da fita-cola ou do próprio post-it, o mercado já oferece soluções mais geek e as empresas produtoras de portáteis e monitores já começam a ter estas recomendações em consideração.

A Philips, por exemplo, apresentou recentemente uma nova geração de monitores profissionais, monitores de 27″, 24″ e 22″, que integram uma webcam que apenas fica visível quando é activada pelo utilizador. Com um simples toque, a câmara pode ser levantada e novamente escondida.

Philips tapar webcams

A vantagem é clara: se necessitar da câmara durante uma conferência online, por exemplo, basta levantá-la. Caso contrário, ela mantém-se escondida e os hackers não têm hipótese de explorar qualquer vulnerabilidade.

O modelo de 27 polegadas, o Philips 272B7QPTKEB, já está disponível por cerca de 490 €. Os monitores de 24″ e 22″ 241B7QPJKEB e 221B7QPJKEB ficarão disponíveis no último trimestre de 2016 e o primeiro trimestre de 2017, respectivamente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: