Maior operadora dos EUA pensa em deixar de vender o Note7

samsung-galaxy-note7-menu-spenPoderá ser um dos piores momentos para a gigante sul-coreana, “o mundo” está assustado com o Note7! Esta realidade começa a espalhar-se de forma tentacular. Primeiro foi o alerta que algo não estava bem, depois a confirmação do problema por parte da Samsung e posteriormente apareceram as autoridades a banir o equipamento de alguns serviços. A empresa actuou em conformidade, elaborou um gigantesco plano de recolha, reparação e devolução dos equipamentos ao mercado, mas… algo parece não estar bem.

Houve de novo queixas, mais incidentes e ao que parece, o golpe final poderá ser dado pela AT&T que pondera deixar de vender o Note7.

 

Segundo a Bloomberg, a maior operadora de comunicações dos Estados Unidos, a AT&T, poderá muito em breve deixar de comercializar o Galaxy Note7. Estas notícias aparecem depois do incidente com mais um equipamento que se incendiou esta semana dentro de um avião da Southwest Airlines – equipamento que era já um novo, substituído pela Samsung e que, supostamente, não deveria ter problemas que o levasse a incendiar – enquanto este ainda estava na pista.

A dúvida estaria na possibilidade deste equipamento ser ainda dos que foram vendidos com o problema nas baterias, tal como a Samsung explicou. Mas o The Verge confirmou com o proprietário que este Galaxy Note7 em questão era já do novo lote de smartphones que supostamente tinham sido recolhidos, reparados e enviados de novo, seguros, ao mercado.

img_0720

 

 

Note7 poderá receber um novo recall

A AT&T referiu que “está a considerar deixar de vender” o smartphone da Samsung, pese o facto de ainda não haver uma decisão final sobre esta tomada de posição. A Samsung e a Comissão de Segurança de Produtos do Consumidor dos EUA (CPSC) estão ainda a investigar o incidente no avião da Southwest Airlines, pois a Samsung não tem ainda a confirmação que o equipamento seria já um dos que foram substituídos. É possível que o Galaxy Note7 receba um segundo recall se a Samsung e a CPSC chegarem à conclusão que o “novo” Note7 tem também problemas.

samsung-galaxy-note7-explode

Se a AT&T parar de vender o Galaxy Note7 é possível que outras operadoras sigam a mesma decisão. Esta tomada de posição, essencialmente, seria dar às operadoras o poder de remover do mercado o topo de gama da Samsung, ainda antes da gigante sul-coreana ter tomado essa decisão. Seria um movimento sem precedentes.

Até ao momento os smartphones continuam à venda na AT&T mas os próximos dias poderão trazer mais informações. A AT&T ainda não deixou mais nenhuma informação sobre o caso, assim como a Samsung também ainda não se pronunciou.

Fonte: pplware

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: